segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Maldivas

Essa foto foi tirada as 10h da manha!

Escolhemos como viagem de lua de mel conhecer uma das ilhas de um dos arquipélogos mais bonitos que existem: Ilhas Maldivas. Existem milhares delas no oceano Indico,  muitas privadas  com estrutura hoteleira

Quadra de tenis

Piscina



Fomos de carro até o aeroporto de Milao. Uma viagem de 7 dias valeria a pena deixar o carro no estacionamento do aeroporto. Um bom estacionamento, ambiente fechado ou aberto e com cobertura contra roubo e colisao.


Pegamos o aviao com destino a Colombo, em Sri Lanka. Foram 12 horas de viagem, cansativo mas até entao èramos sò nòs dois sem crianças, tempo para repousar nao faltou durante a viagem.
Fizemos escala em Colombo. Fiquei surpresa com o que encontrei nesse aviao: sujeira do voo anterior, desorganizaçao e cabine mal cuidada. Os banheiros usados, horrìvel, nao gostei desse trecho.
Ao chegar em Male,capital do arquipélago das Maldivas, ainda dentro do aeroporto, jà conseguìamos sentir a diferença de clima: um calor que abafava. Assim que as portas do aeroporto se abriram pudemos sentir um vento estupendo!

Nessa foto é possivel ver que "a terra é redonda"!



Quase caì de joelhos ao ver a cor daquele mar! Era de um azul turquesa que até entao eu sò havia visto em revistas e fotos. Algo que voce nao pode se contentar na vida de ver somente através de imagens, é necessàrio viver essa emoçao! A àgua era tao turquesa que parecia um quadro pintado à mao.




Pegamos uma lancha para nos levar até a "nossa" ilha. Lembro que a espuma no casco do barco era de um branco tao limpido que o brilho do sol ofuscava a vista e quando eu desviava o olhar, là estava aquele turquesa brindando a nossa chegada em uma ilha de sonho!




Encontramos na recepçao do resort mais turistas como nòs, que vieram pela mesma agencia de viagens mas de diferentes lugares do mundo. Havia uma representante da agencia que estava dando as boas vindas, nos sentamos todos para um aperitivo e apresentaçao de como seriam os dias seguintes por là.




Nao poderia esperar melhor: sol, calor, àgua do oceano quente e areia branquinha; namorar muito, comer bem e descansar de verdade!




Nosso quarto dava direto para a areia da praia. Na verdade, uns 10 metros antes da praia, mas saindo do quarto jà pisàvamos na areia e tinham muitas àrvores e coqueiros. Todo dia de manha e no fim da tarde vinham nos visitar alguns tipos de pàssaros da ilha. Nosso quarto por dentro era tìpico praiano e o ar condicionado funcionava às mil maravilhas. Toda vez que chegàvamos de fora, tinha uma nova decoraçao  nos lençois e pétalas de flores em cima da nossa cama. Simples e romantico!







O almoço e jantar eram sempre com hora marcada e self service. Comia-se a vontade. Tudo incluso no pacote que escolhemos. Cada refeiçao com diferentes pratos à nossa disposiçao. Os garçons eram indianos , muito jovens e discretos. Todos muito atenciosos e educados. Nao tivemos nenhum contratempo nessa viagem.



Decoraçao natural no restaurante

Fizemos amizades com outros casais por là, alguns passavam o dia mergulhando, indo conhecer outras ilhas ou pescando. Nòs escolhemos nadar pela ilha, caminhar e dançar no bar/discoteca que havia no resort.




A imensidao do oceano é incrìvel e a transparencia nos facilita a enxergar a olho nu e também fora da àgua, os muitos tipos de peixes que nadam por là. Graças a Deus nao me deparei com nenhum tubarao, era meu ùnico panico pois o que mais escutamos falar sao das espécies de tubaroes que nadam tranquilamente nas Maldivas. Em compensaçao vi inumeros peixes que jamais havia visto e tocado antes.



Alongamento diante desse visual, 7h da manha!

De noite, apòs a janta, ìamos no pier (eu levava escondido pedacinhos de pao) e sentàvamos na ponte observando os peixes que passavam ou mesmo dormiam por là. Eram em muitos!!!


Os dias passam devagar por là, nao temos compromisso com nada além de nadar naquelas àguas azuis turquesa e caminhar à beira mar nas areias brancas e finas. O que vale é relaxar e admirar cada por do sol presenteado pela natureza.




Lembro que meu marido chamou essa de
 "a foto de adeus de Daphne à Ilha Maldiva", romantico!

Sair daquela ilha e voltar ao mundo "real", dos carros, transito, trabalho e sociedade, foi quase um choque. Realmente é maravilhoso ter a oportunidade de se desligar de tempos em tempos do que nòs mesmos, seres humanos, criamos ao nosso redor.

Jogo "Aonde està Wally"?
Achem o papagaio ESCONDIDO entre as folhas da àrvore!

ACHOU?!Nòs sò soubemos dele apòs passar as fotos
 para o computador!

A pròxima vez que formos à uma ilha parecida seremos em um quarteto e eu gostaria de escolher um resort aonde as crianças pudessem viver plenamente a natureza e interagir dentro e fora do mar. Se alguém tiver conhecimento e dicas, é sò comentar aqui que irei adorar dividir experiencias com os leitores!

A camera era antiga por isso a imagem nao é nitida e nao tem audio.

5 comentários:

Daniela disse...

O Daphne, isso nao se faz! Foste pro paraiso 2 vezes? lua de mel e esse lugar!
Quero conhecer!!

Ta demais a foto do lorenzo e tuas pernas.
bjss

Daphne disse...

Oi Dani! Foi um sonho de verdade! Dizem que as Ilhas Mauricios também é do mesmo tipo,sò o mar é que ,diferente das Maldivas, tem ondas e rochas, quem sabe a gente programa algo juntas?!Nao me importaria de retornar nas Maldivas também, rs.
Lembro que na hora daquela foto eu estava programando a maquina fotografica e visualizei assim o "sereio" que estava saindo da àgua, rs, nao pude deixar de registrar na hora!hehe. Bjs!

Anônimo disse...

Está é uma viagem inesquecível.A cor do mar ,a transparência das águas,a beleza de toda a paisagem.Quenm sabe um dia????.

Daphne disse...

"Anonimo", espero que um dia voce realmente possa conhecer as Maldivas e ,quem sabe jà nao conhece ou conheceu algum local parecido mesmo que dentro do nosso Brasilzao?
Obrigada por passar por aqui!
bjs.

Milena F. disse...

Isso sim que é lua de mel!!! Parabéns!!!